CAM V

de carolina bonfim

 

 

Creo que es posible vivir una vida que no implique crear arte, una vida que sea una especie de arte en si misma. Hay algunas experiencias que se pueden denominar artisticas. Una mañana, mientras iba en el autobús, percibí una relación destacable entre el asiento que estaba frente a mi, el techo del autobús y lo que estaba sucediendo fuera. Esto era arte en el sentido de que yo veía relaciones que estaban moviendo concretamente del mismo modo que si estuvieran “ enmarcadas” o “ escogidas”. Creo que hay algo de religioso en ese tipo de experiencias y también en el arte en general.

Michael Snow, First to last.

 

 

A contemplação do mundo transmitida pela experiência da imagem. 

 

O projeto CAM V é decorrente de um extenso arquivo de vídeos que foram transmitidos em tempo real em chats e sites de diferentes países. O que podemos encontrar neste espaço destinado à multiplicidade étnica no qual pessoas de todo o mundo se conectam para transmitir opiniões, sentimentos e corpos? Em CAM V abre-se uma fresta para breves paisagens íntimas que produzem um acontecimento em cada imagem - a metanarrativa - uma história além da história que é capaz de abarcar outros pequenos relatos no seu interior. Segundo Rosa Olivares a janela se converteu na tela do computador, uma metáfora e ao mesmo tempo um símbolo, que permite ver e impede de ser visto. Espiar os outros. Este mundo que antes se reunia nas conversas da rua, entre vizinhos para fofocar sobre o entorno mais conhecido, agora se dispersa e se isola nas nossas casas, frente a uma janela eletrônica que oferece as histórias indiscretas de gente remota, mitos que despimos para reconhecer-nos finalmente em suas misérias e comprovar uma vez mais um inevitável prazer. Agora com a possibilidade virtual desprezamos o perigo diante do desconhecido e, ainda mais, frente ao proibido[1].

 

O roteiro de CAM V segue a seguinte ordem: capturar, arquivar e ordenar vídeos sem utilizar qualquer tipo de retoque, manipulação ou distorção das imagens. O conceito do projeto se fundamenta na elaboração a partir de materiais já existentes que ao incorporá-los em uma nova configuração, dilata e se estende, indaga a distinção tradicional entre o original e a cópia. Os conceitos de autenticidade e autoria se dissolvem a fim de compartilhar um protagonismo múltiplo. A estratégia de CAM V é colocar-se desde o ponto de vista da percepção, de modo que transforme a própria perspectiva,  que considera e leva em conta o descobrimento que o eu (artista) faz do outro.

 

 

 

 

Informações:

 

 

CAM V

Capturas de vídeos transmitidos ao vivo pela internet

7’

2013

 

 

Formato original: Capturas de vídeos transmitidos ao vivo pela internet

Formato da cópia: DVD | Cor |  Sem som | Projeção em loop

Duração: 7’

 

Somos a Fase 10 Ação Contemporânea, um escritório de criação / produção. Realizamos trabalhos no campo da cultura com ética e profissionalismo.

CONECTE-SE

SHORTCUT

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon

© 2020 todos os direitos reservados

  Rio de Janeiro - RJ - Brasil